Topo
Revista Living - Posts

Revista Living

  /  MODA   /  Inspiração britânica marca o inverno da Lança Perfume

Inspiração britânica marca o inverno da Lança Perfume

Com olhos voltados à geração millennial, o conceito British Countryside é aposta da LP para a nova coleção

 

Em perfeita sintonia com os millennials, a Lança Perfume chega com novidades na nova temporada. Além de uma coleção incrível, a marca também renovou seu logotipo, investindo em um visual mais moderno e antenado. Para o inverno 2019, a coleção British Countryside chega influenciada pelo comportamento da geração de jovens e jovens adultos.

Sempre antenados e responsáveis por um novo formato de consumo, os millennials são reconhecidos pelo perfil exigente em suas escolhas. A partir disso, a LP se inspirou na cultura britânica, nas terras altas e seus jardins pitorescos, nas casas de campo e no lifestyle inglês para compor a nova coleção. Entre as novidades estão cortes expressivos e estampas marcantes, tecidos, bordados e aplicações que reforçam o poder feminino e uma produção cheia de personalidade.

Na linha Collection, o tema se transfere nas tendências indicadas pela LP como os pelos, distribuídos em recortes, golas e pompons; o plissado, que traz delicadeza em tecidos mais leves; shapes descolados aliados à cintura marcada, com cintos e novas propostas de nós e amarrações; o color blocking, que inova tanto com misturas harmônicas de cores fortes quanto de tons mais sóbrios; o utilitário, que transita entre o streetwear e alfaiataria; fechando com os letreiros que continuam muito fortes, aplicados em materiais e construções que enriquecem ainda mais o visual das peças.

Como representação de elementos britânicos, as estampas em xadrez se juntam a desenhos arquitetônicos. Os florais chegam reformulados e profundos, entre tons mais sóbrios, como azul marinho, e leves, como nude. Já os clássicos príncipe de Gales e animal print são vistos sobre as nuances de marrom.

A kilt, saia típica da Escócia, é trazida em tecidos mais leves, com sua a estampa clássica. Os comprimentos alongados em vestidos e blusas, a assimetria e os tecidos fluidos dão uma nova proposta para a estação. Já os fits mais retos, soltos ao corpo, são descolados e deixam as peças mais confortáveis, além de imprimirem modernidade às peças tradicionais.

Entre as matérias-primas, uma das principais novidades é o chiffon risca de giz com lurex, com visual supermoderno. O jacquard de malha e o suede com pelo também são destaques, além de outros tecidos que são a cara da estação, como o suede pesado, o veludo e o couro sintético.

Comentar

× Fale conosco!